Costumes Bíblicos: O GOVERNO NO MILÊNIO

Israel Institute of Biblical Studies

O GOVERNO NO MILÊNIO

Como será o governo durante o milênio?
George Peters caracteriza o governo como uma monarquia, em regra, e como uma república, nos direitos:
A teocracia, nesse caso, não é uma república. Mesmo não sendo monarquia no sentido usado por Samuel, ou seja, de origem puramente humana, ainda assim, é uma monarquia no sentido mais amplo. Não é uma República, pois os poderes legislativo, executivo e judiciário não estão potencialmente atribuídos ao povo, mas a Deus, o Rei; contudo, ainda possui elementos da monarquia e da república em si; uma monarquia em que a soberania absoluta está na pessoa do grande Rei, a quem todos os demais são subordinado, mas é república no sentido de que aceita um elemento republicano ao preservar os direitos de todos os indivíduos, do menor ao maior. Em outras palavras, por meio de uma feliz combinação, uma monarquia sob o comando divino, portanto, infalível, traz bênçãos que resultarão em uma forma de governo republicano idealmente bem direcionado, mas este nunca poderá ser completamente aceito como algo criado, graças à depravação e à diversidade do homem. (Theocratic Kingdom.1v. p. 221)
O que o milênio significará para Davi e para Jesus?
A. Para o rei Davi.
1- As Escrituras envolvidas.
Quatro passagens do Antigo Testamento profetizam que Davi, um dia, atuará como um tipo de vice-regente durante o milênio.
  1. O testemunho de Jeremias (Jr 30.9).
  2. O testemunho de Oseias (Os 3.5).
  3. O testemunho de Ezequiel (Ez 34.23; 37.24).
Se formos interpretar as passagens literalmente, Davi irá sentar-se novamente no trono de Israel. Ele, então, será auxiliado em seu governo:
  1. Pela igreja (1Co 6.3).
  2. Pelos apóstolos (Mt 19.28).
  3. Pelos nobres (Jr 30.21).
  4. Pelos príncipes (Is 32.1; Ez 45.8,9).
  5. Pelos juízes (Is 1.26; Zc 3.7).
2- O significado envolvido.
  1. Um reino eterno (2Sm 7.16; Sl 89.3,4). Isso significa que o trono de Davi continuará para sempre! Essa profecia será cumprida um dia, apesar do fato de que o reino original de Davi tenha sido destruído pelos babilônios em 586 a.C. (Jr 39; 52).
  2. Um rei eterno (Lc 1.32). Isso significa que o Rei Jesus irá assentar-se no trono de Davi para sempre!
B. Para o Rei Jesus.
1- Vingará completamente o Seu sofrimento!
  1. O sofrimento que Ele passou (Sl 22.1,2,6-8,14-18; Is 53.1-9; Fp 2.5-8).
  2. A glória que Ele terá (Sl 24.7-10; Is 9.6,7; Fp 2.9-11).
2- Cumprirá Seu ministério duplo na terra!
  1. Ele veio como Cordeiro de Deus (Jo 1.29).
  2. Ele virá como o Leão de Judá (Ap 5.5).
3- Completará a missão tripla que recebeu do Pai!
  1. A de profeta (Dt 18.18).
  2. A de sacerdote (Sl 110.4).
  3. A de rei (Ap 19.16).
4- Finalizará o relato acerca dele!
O Antigo Testamento registra a preparação para a vida de Jesus.
(1) Para estarmos cientes de Sua vinda (Lc 24.27; Jo 5.39).
(2) Para estarmos certos da Sua vinda (Rm 15.4; 1Co 10.11).
Os evangelhos registram a manifestação da vida de Cristo.
(1) O fato do Seu nascimento (Lc 2.1-20).
(2) O fato da Sua morte (Mt 27; Mc 15; Lc 23; Jo 19).
(3) O fato da Sua ressurreição (Mt 28; Mc 15; Lc 24; Jo 20).
(4) O fato da Sua ascensão (Mc 16.19; Lc 24.51).
O livro de Atos registra a propagação da vida de Jesus.
(1) A origem da Igreja primitiva (At 2.1-13).
(2) A obediência da Igreja primitiva
  1. Sua mensagem (At 5.42).
  2. Seus ministros. Servindo em Jerusalém, Judeia e Samaria; liderados por Pedro, Tiago, o meio irmão de Cristo, o apóstolo João, o evangelista Filipe e Estêvão (At 1--12).
  3. Seus missionários. Servindo por todo o mundo conhecido; liderados por Paulo, Barnabé, Timóteo, Tito e Silas (At 13--28).
  4. As epístolas registram a interpretação da vida de Jesus.
    1. O motivo do Seu nascimento (1Tm 1.15; Hb 10.4-7).
    2. O motivo da Sua morte (Rm 4.25a; 5.8,9; Hb 2.14,15).
    3. O motivo da Sua ressurreição (Rm 4.25b; 1Co 15.20).
    4. O motivo da Sua ascensão (Rm 8.34; Hb 4.14-16; 9.24).
O livro de Apocalipse registra a coroação do rei Jesus.
(1) Ap 1--3: As testemunhas do Cordeiro.
(2) Ap 4--5: A adoração do Cordeiro.
(3) Ap 6--19: A ira do Cordeiro.
(4) Ap 20: A maravilha do Cordeiro (Seu reino no milênio).
(5) Ap 21--22: A esposa do Cordeiro (a Igreja).

Continue seu estudo!
QUALIDADES DO TEMPLO NO MILÊNIO

DESTAQUE NO SITE

JESUS numa sociedade pluralista

Na Palestina do tempo de Jesus, a sociedade era diversificada, mais ou menos como a nossa. Em Cesaréia de Filipe, onde Pedro confe...

MAIS ACESSADOS