Costumes Bíblicos: Convivência familiar

Aprenda Hebraico Online

Convivência familiar


Convivência familiar
A sociedade tem produzido um modelo de convivência familiar resultado tem sido a deterioração da família.
Com o crescimento das cidades, têm-se formado grandes centros urbanos, onde a qualidade de vida das pessoas está sendo cada vez mais comprometida. A vida pacata do interior foi substituída por uma vida agitada e corrida, em que não sobra tempo para nada. O trânsito tornou-se o principal responsável pelo stress, causando mau humor e irritação.
O apelo consumista tem escravizado as pessoas provocando a necessidade de se ganhar mais dinheiro e conseqüentemente trabalhar mais. Antes o trabalho era exercito apenas pelo pai; agora, por causa da necessidade, a mãe também tem de trabalhar fora de casa.
Poderíamos relacionar tantas outras causas da vida agitada, estressada e irritante em que vivemos. Contudo, a ênfase aqui é que convivência familiar tem sido afetada grandemente por este modo de vida atual.
Após um dia exaustivo, chegamos em casa e não suportamos a brincadeira dos filhos, irritando-nos facilmente. Não temos energia para brincar com eles, para dialogar, enfim, para dar o que eles mais precisam: a nossa atenção. O pouco tempo que sobra da vida agitada é gasto com discussões, contendas e cobranças.
Quando a isso o apóstolo Paulo nos recomenda: "Pais, não irriteis os vossos filhos, para que não fiquem desanimados" (Colossenses 3:21). O nosso maior desafio é trabalhar nosso temperamento, mesmo afetado pela vida agitada e, ainda assim, não irritar nossos filhos. É promover em casa um ambiente de harmonia a ponto de nossa atitude servir de encorajamento para eles. Os dias são maus e há muitos fatores que os desanimam. As estatísticas indicam um alto índice de adolescentes com depressão. Cabe a nós, pais, sempre levar nossos filhos a viver positivamente.
Essa atitude não será conseguida por nós mesmos. Precisamos do Senhor para nos ajudar. Ele passou por esta terra, experimentou o viver humano e conhece muito bem nossas fraquezas. Hoje, em Seu ministério celestial, Ele vive sempre a interceder por nós. Acheguemo-nos, portanto, a Ele e seremos socorridos em qualquer ocasião. Basta-nos abrir nosso ser a Ele invocando Seu nome. Ele é "o Senhor de todos, rico para com  todos os que o invocam" (Romanos 10:12).

DESTAQUE NO SITE

INTRODUÇÃO AO INFERNO

Por que o inferno existe? A justiça de Deus exige um inferno . Além de afirmações diretas, as Escrituras oferecem motivos para a existê...

MAIS ACESSADOS