Costumes Bíblicos: INTRODUÇÃO AO ESTÁGIO DOS REINOS

Israel Institute of Biblical Studies

CANAL DO SITE

INTRODUÇÃO AO ESTÁGIO DOS REINOS

O Estágio do Reino em União:
Este estágio registra a história dos primeiros três reis israelitas. Cada um deles reinou por 40 anos. São os reis Saul, Davi e Salomão.
A maior parte das belas canções e de palavras de sabedoria compostas pelos israelitas foi criada durante esse período. Dentre elas, incluem-se as encontradas em Salmos, Provérbios, Eclesiastes e Cântico dos Cânticos.
Esse tempo começa com a escolha de um regente (Saul; 1Sm 9) e termina com a rejeição de outro monarca (Roboão, 1Rs 12).
E inclui uma visita à feiticeira de En-Dor (1Sm 28), bem como uma visita da rainha de Sabá (1Rs 10).
A morte de dois bebês cria um difícil dilema. A primeira expõe o salário do pecado (2Sm 12), enquanto a segunda demonstra a sabedoria de Salomão (1Rs 3).
Durante esse tempo, uma cidade é salva (1Sm 11), alguns animais são poupados (1Sm 15), e um gigante é vencido (1Sm 17).
Descreve-se um profeta sem medo (Natã, 2Sm 12) e um fiel sacerdote (Zadoque, 2Sm 15).
A Arca do Concerto de Deus é levada até Jerusalém em duas ocasiões, uma vez durante uma celebração (2Sm 6) e outra durante uma revolução (2Sm 15).
Uma irmã é estrupada (2Sm 13), e um filho é enforcado (2Sm 18).
Um filho (Jônatas) protege o jovem Davi de seu próprio pai (Saul; 1Sm 20).
Uma cidade pagã torna-se a Cidade Sagrada (2Sm 5).
Salomão é instruído (1Rs 2) a construir o Templo, e o Templo é efetivamente construído (1Rs 6).

O Estágio do Reino no Caos

Este estágio cobre um período de quase 350 anos, entre 930 a.C. e 586 a.C. Os eventos principais ocorrem em Jerusalém e em Samaria.
O período começa com a trágica guerra civil que divide a nação israelita em dois reinos inimigos e termina com os dois reinados sendo conquistados por duas nações pagãs inimigas (1Rs 12; 2Rs 17; 25).
Este estágio caótico apresenta:

  • Um rei (Josias) descobrindo a Palavra de Deus dentro do templo, e outro rei (Jeoaquim) tentando destruí-la com fogo (2Rs 22; Jr 36).
  • Doze livros do Antigo Testamento sendo escritos por 11 autores humanos: Obadias, Joel, Jonas, Amós, Oseias, Miqueias, Isaías, Naum, Sofonias, Habacuque e Jeremias (que também escreve Lamentações).
  • Os três indivíduos do Antigo Testamento que foram ressuscitados dos mortos (1Rs 17; 2Rs 4; 13).
  • O único homem do Antigo Testamento a ser curado de lepra (Naamã; 2Rs 5).
  • A salvação de Samaria (a capital do reino do norte) por quatro leprosos, e a salvação de Jerusalém (a capital do reino do sul) pelo anjo da morte (2Rs 7; 19).
  • O começo do povo samaritano (2Rs 17).
  • A segunda e a terceira vezes nas quais Deus dividiu as águas do rio Jordão (2Rs 2, a primeira foi em Js 3).
  • A narração de um coro de cantores derrotando o inimigo no campo de batalha (2Cr 20.20-22).
  • A visão da água sendo queimada pelo fogo (1Rs 18, sobretudo 1Rs 18.38).
  • A visão de uma cabeça de machado flutuando na água (2Rs 6).
  • O segundo homem do Antigo Testamento a ir para o céu sem morrer (2Rs 2, sobretudo 2Rs 2.11; a descrição do primeiro homem é dada em Gn 5.21-24).
  • A única ocasião no Antigo Testamento na qual é permitido aos homens contemplarem o exército montado de anjos de Deus (2Rs 6, sobretudo 2Rs 6.15-17).
  • Sete orações sobre uma montanha, sete espirros sobre uma cama, sete mergulhos dentro de um rio. Elias faz a oração no monte Carmelo. Uma criança ressuscitada espirra em Suném. Naamã mergulha no rio Jordão.

O reino é dividido.

Após a morte de Salomão, uma trágica guerra civil dividiu os israelitas em dois reinos inimigos.
  1. O REINO  DO SUL
  2. O REINO DO NORTE
O Reino do sul era chamado de Judá.
  • A capital foi Jerusalém.
  • A princípio, consistia de duas tribos: Judá e Benjamim.
  • Começou em 931 a.C.
  • Durou 345 anos: 931 a.C. - 586 a.C.
  • Vinte reis no total.
  • Oito reis eram tementes a Deus.Os babilônios conquistaram o reino em 586 a.C.
  • O povo retornou do cativeiro em três momentos.
O Reino do norte era chamado de Israel e Efraim.
  • A capital foi Samaria.
  • Era composto por dez tribos.
  • Começou em 931 a.C.
  • Durou 210 anos: 931 a.C. - 722 a.C.
  • Dezenove reis no total.
  • Nenhum deles foi temente a Deus.
  • Os assírios conquistaram o reino em 722 a.C.
  • Não houve retorno do cativeiro.
Nota: em suma, o estágio do reino no caos pode ser dividido em dois períodos de tempo:
A. O reino dividido (tanto o do norte como o do sul, 931 a.C. -- 722 a.C.).
B. O reino único (apenas o reino do sul, 722 a.C. --586 a.C.).

Os regentes do estágio do reino no caos.

O estágio do reino no caos tem seu melhor resumo na vida de 20 pessoas desse período. Dentre elas, seis foram regentes do norte, 12 foram regentes do sul, e dois foram profetas: Jeroboão, Onri, Acabe, Jéu, Jeroboão II, Oseias, Roboão, Asa, Josafá, Atalia, Joás, Uzias, Acaz, Ezequias, Manassés, Josias, Jeoaquim, Zedequias, Elias (profeta) e Eliseu (profeta).

Datando o reinado dos monarcas

Alguns reinados sobrepõem-se aos outros, ou seja, há casos em que o pai e o filho governam ao mesmo tempo (em regime de "corregência). Isso explica a diferença entre o número total de anos de todos os reis do norte tal como explicitados na Bíblia, o que totalizaria 252 anos, e o tempo efetivo do reino do norte, em torno de 208 anos (começando com Jeroboão em 931 a.C. e terminando com Oseias em 722 a.C.

Uma breve informação sobre cada regente, tanto do estágio do reino em união, como do estágio do reino no caos, vocês podem estar lendo na lista "REIS DE ISRAEL"  coluna esquerda do site.
Boa pesquisa!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por comentar! Fica na paz!
E peço isto: que o vosso amor cresça mais e mais em ciência e em todo o conhecimento,
Para que aproveis as coisas excelentes, para que sejais sinceros, e sem escândalo algum até ao dia de Cristo;
Cheios dos frutos de justiça, que são por Jesus Cristo, para glória e louvor de Deus.
Filipenses 1:9-11

DESTAQUE NO SITE

A Crucificação no Tempo de Jesus

CRUCIFICAÇÃO NO TEMPO DE JESUS Depois da condenação, Jesus recebeu outra vez a sua veste. Isso fazia parte de uma execução em que o con...