Costumes Bíblicos: POR QUE AS PESSOAS VÃO PARA O INFERNO?

Israel Institute of Biblical Studies

POR QUE AS PESSOAS VÃO PARA O INFERNO?



POR QUE AS PESSOAS VÃO PARA O INFERNO?
Para fechar essa questão de inferno e trazê-la a um nível prático, considere o que C.S. Lewis disse:
A necessidade de que Deus deve perdoar um homem, que continua sendo o que é, baseia-se na confusão entre abrandar e perdoar. Ser brando com o mau é simplesmente ignorá-lo, tratá-lo como se fosse bom. Mas, o perdão precisa ser aceito, bem como oferecido se é para  ser completo: e um homem que admite não ter culpa não pode aceitar perdão.
Eu acredito, de boa vontade, que os condenados são, em certa medida, bem-sucedidos, rebeldes até o fim; que as portas do inferno estão trancadas por dentro. [...] Em longo prazo, a resposta para todos que são contra a doutrina do inferno é uma pergunta: "O que você está pedindo para Deus fazer?". Elimine seus pecados do passado e, a todo custo, dê-lhes um novo começo, derrubando todas as dificuldades e oferecendo ajuda milagrosa: mas Ele fez isso no Calvário. Perdoá-los? Não serão perdoados. Deixá-los sozinhos? Temo que seja isso que Ele faça.
Há apenas dois tipos de pessoas no final: os que dizem para Deus: "Seja feita a Tua vontade" e aqueles a quem Deus diz no final: "Seja feita a tua vontade". Todos os que estarão no inferno escolheram isso. Sem essa escolha própria, o inferno não poderia existir. Nenhuma alma que desejasse seriamente e constantemente a felicidade iria perdê-la. Aqueles que procuram acham. Àqueles que batem, ser-lhes-á aberto. (GEISLER, Norman; BOCCHINO, Peter. Unshakable Foundations. Minneapolis, MN: Bettany House.p.367,368)

INFERNO, seus 7 tormentos
  1. Tormento de condenação: Mc 3.29; Mt 23.14; Lc 20.47.
  2. Tormento eterno: Mt 18.8; 25.41.
  3. Tormento de fogo: Mt 7.19; Mt 13.40.
  4. Tormento de maldição: Mt 22.13; Mt 25.41.
  5. Tormento de punição: Mt 25.46.
  6. Tormento de ranger de dentes: Mt 13.42,50; 8.12.
  7. Tormento de trevas: Mt 22.13.
Artigo inicial:
               

Leia também:
Próximo tema:

DESTAQUE NO SITE

JESUS numa sociedade pluralista

Na Palestina do tempo de Jesus, a sociedade era diversificada, mais ou menos como a nossa. Em Cesaréia de Filipe, onde Pedro confe...

MAIS ACESSADOS